Informação sobre a disfunção eréctil, histórias e notícias relacionadas com esta condição e o seu tratamento.

26
Nov 13

 

O acesso à internet e ao mundo online, motivou a que muitas das compras sejam feitas desta forma e que já não seja preciso uma deslocação física às entidades vendedoras para que ocorra a compra. Esta oportunidade de comprar online veio mostrar-se muito útil, principalmente para as pessoas que têm o dia-a-dia muito preenchido e cujo tempo para se desclocarem fisicamente a uma loja é escasso. A partir da internet pode ser comprada uma grande variedade de produtos, entre os quais medicamentos.

 

No que diz respeito à compra de medicamentos online, há que ter em conta certas precauções que devem ser tomadas durante o processo para evitar ser burlado ou pior, correr riscos relativamente à sua saúde. Devido à sua grande procura tanto para fins recreativos, como pela sua necessidade para o tratamento da disfunção eréctil, os medicamentos para esta condição estão disponíveis um pouco por toda a parte pelo mundo online. Por ser uma condição que causa frequentemente alguma vergornha e ainda é tabu para a maioria dos homens, muitos não se sentem à vontade ao procurar tratamento junto do seu médico, sendo a pesquisa online por vezes o primeiro contacto com este tipo de medicamentos.

 

Factores a ter em conta quando compra online

 

Quando compra medicamentos online, principalmente aqueles destinados ao tratamento da disfunção eréctil, deve assegurar-se de que está a comprar o medicamento original fabricado pela respectiva empresa farmacêutica. Muitos sites na internet vendem medicamentos para a disfunção eréctil falsos e outros tantos afirmam ter disponível a versão genérica dos mesmos. Nenhum dos medicamentos para a disfunção eréctil actualmente disponível no mercado (Viagra, Cialis ou Levitra) tem disponível a versão genérica, por as suas patentes ainda pertencerem às empresas farmacêuticas responsáveis pelo seu fabrico, Pfizer, Lilly e Bayer, respectivamente.

 

Como reconhecer se o medicamento que está a comprar é o verdadeiro?

 

Existe um guia que pode seguir para se certificar que o medicamento que está a comprar é verdadeiro, verifique os seguintes passos durante a sua compra:

 

Prescrição Médica: Os medicamentos para o tratamento da disfunção eréctil são medicamentos sujeitos a receita médica, pelo que se o site onde está a comprar o seu medicamento não lhe exige a receita ou não obriga a um preenchimento de uma consulta para avaliação médica, não está a comercializar a versão original.

 

Genéricos: Nenhum dos medicamentos para a disfunção eréctil tem versão genérica, tal como explicado anteriormente. Se encontrar um site que disponha de versões genéricas destes medicamentos, o medicamento em questão não é original.

 

Preço: Os medicamentos para a disfunção eréctil têm um preço elevado, quer na farmácia física, quer em clínicas online. Se encontrar medicamentos de prescrição a preços reduzidos, como por exemplo a 1 ou 2€ por comprimido, os mesmos não podem ser verdadeiros.

 

Versões: Qualquer um dos medicamentos disponíveis para a disfunção eréctil apresenta apenas uma versão, exceptuando o Levitra, que está disponível também em comprimido orodispersível e o Cialis que tem também uma formulação diária. Denominações como Kamagra, Silagra, Viagra Soft, Cialis Ativo, Viagra genérico, Caverta, Suhagra entre outros, correspondem a produtos falsificados e com efeitos desconhecidos.

 

Doses: As doses dos medicamentos para a disfunção eréctil estão bem definidas e estes são sempre vendidos em embalagens múltiplas de 4 (4, 8, 12, 16 comprimidos etc..). Apresentam-se como Viagra (25, 50 e 100mg), Cialis (2,5 ; 5, 10 e 20mg) e Levitra (5, 10, 20 mg). Qualquer variação nestas doses ou no número de comprimidos corresponde a um medicamento falsificado.

 

 

Como saber se o site onde está a comprar é de confiança?

 

Existem muitos sites que para além de comercializarem medicamentos falsificados e por isso perigosos para a saúde, se dedicam à clonagem de cartões de crédito e ao roubo de identidades. Tenha em atenção aos seguintes aspectos:

 

Morada: Um site credível terá morada física na União Europeia, independentemente de esta ser em Portugal ou não. A morada da farmácia responsável pelo envio dos medicamentos deve também estar presente.

 

Apoio médico: Por se tratarem de medicamentos de prescrição, para além de ser prescrita uma receita médica ao paciente, deve estar disponível apoio médico durante o tratamento, por médicos devidamente credenciados e registados na União Europeia.

 

Apoio ao cliente: Um site credível terá apoio ao cliente na sua língua, neste caso em português e todo o site se encontrará igualmente na mesma língua. Sites com textos mal traduzidos e que misturem várias línguas não são credíveis.

 

Métodos de pagamento: Se a opção de pagamento por cartão de crédito é disponibilizada, durante o pagamento deve ser redireccionado para uma página segura da empresa responsável pelos pagamentos. Da mesma forma, se o site onde está a comprar for de confiança, disponibilizará a opção de pagamento por contra-reembolso, ainda que com um custo acrescido.

 

Entrega: A entrega do medicamento, se esta for para Portugal, não deverá levar mais do que 5 dias úteis. Se a sua encomenda levar mais do que este tempo a ser entregue, é provável que venha de países como a Índia ou a China, o que apenas comprova que se trata de um medicamento contrafeito. Para além da sua proveniência duvidosa, o mais provável é que não receba o medicamento, para além de este poder ficar retido na alfândega.

publicado por Tim às 12:15

Novembro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
13
14
15
16

17
18
20
21
22
23

24
25
27
28
29
30


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

arquivos
Google +1
Twitter
mais sobre mim
pesquisar
 
Contador
blogs SAPO